Conheça Ortus dj paulista de techno
Na foto: Ortus por @duulive

Conheça Ortus, produtor paulistano de Techno

vibezmag

Aos 29 anos, Giovanni a.k.a. Ortus tem uma vida toda de amor à música. Quando criança, dedicou seus esforços ao piano e ao violão. Não à toa, integrou uma banda adolescente. Não demorou, no entanto, para que tudo começasse a indicar o caminho dos beats digitais. Ele tinha muita curiosidade pra entender como funcionava esse universo. O resto da jornada é o que contamos aqui, nesta entrevista.

Fiz o curso de produção musical e depois trabalhei um tempo em um estúdio. Sempre frequentei a D-Edge e, um dia, me veio o interesse de tocar, fiz o curso de discotecagem e, alguns anos depois, me formei na Universidade Anhembi Morumbi, em Produção de Música Eletrônica. Hoje, a música eletrônica é essencial na minha vida, e a sensação de tocar um som seu na pista e o público responder é incrível”.

O talentoso paulistano contou detalhes sobre todas as influencias musicais que recebeu e como isso impactou em sua formação como produtor.

Sempre fui muito eclético, ultimamente escuto muito Rock, Jazz, entre outros. Mas as minhas maiores referências nos dias de hoje dentro da música eletrônica são Maceo Plex, Adriatique e Mind Against”.

A construção do projeto Ortus despendeu muito das festas e eventos que Giovanni frequentou. E ele contou quais foram as mais importantes em sua vida.

A D-Edge, sem dúvidas, foi o lugar onde eu realmente aprendi a gostar de música eletrônica. E, claro, que depois que comecei a frequentar festas como a DGTL, Time Warp, Dekmantel, Ressonância, Mov.e, entre outras, essa paixão foi aumentando cada vez mais”.

Classificando seu som como “uma viagem”, Ortus gosta de contar uma história com vários momentos, breaks longos e envolventes e drops marcantes. E com três lançamentos durante os meses que sucederam o início da pandemia, ele detalhou quais foram esses projetos.

Um remix que fiz para o amigo Copini, no EP que ele lançou na minha label, e colaborei com o remix da track ‘Hold You’. Fiquei bastante feliz com o resultado”.

mister ruiz

Em seguida, veio a ‘Solis’, um som bem mais leve do que todas as minhas produções, mas, neste momento de pandemia que estamos vivendo, quis fazer algo diferente, um pouco mais leve, com um vocal mais vendável e uma pegada mais conceitual, ela foi lançada pela minha gravadora Real Supernova Records“.

E o paulistano celebra os resultados alcançados com sua label.

Meu último lançamento foi a ‘Synergy’, que saiu no V.A. da Prototype. Uma música bem hipnótica com elementos bem característicos.

Ortus ainda comentou sobre o momento vivido pela cena underground no país e os avanços conquistados neste período difícil.

Acho que tem evoluído muito nos últimos anos, virou circuito dos maiores festivais do mundo, isso já mostra a evolução, mas a cena como um todo vem se ajudando, muitos artistas com muito talento surgindo e muita gente se ajudando”.

Quer curtir o som do Giovanni, o projeto Ortus? É só clicar neste link para assegurar as vibez.

CONTINUE CONECTADO COM O ORTUS: FACEBOOK | INSTAGRAM | SPOTIFY