Do Espírito Santo para o mundo: conheça Jess Benevides

Última atualização:

Carisma, sensualidade, energia e muito estilo. A presença de palco de Jess Benevides já se caracteriza como um show à parte e aliada ao seu som elegante, cheios de grooves marcantes que passeiam pelas linhas do Indie House e Melodic Techno, a brasileira cria uma experiência inesquecível para quem quer que presencie suas apresentações.

Saindo de Vitória, no Espírito Santo, Jess agora leva todo esse magnetismo sonoro para Miami, Florida, Boston, Los Angeles, Orlando, Atlanta, NYC e mais outros palcos pelos Estados Unidos em sua primeira tour internacional. 

O longo itinerário já começou e a primeira cidade a recebê-la foi New Jersey, onde se apresentou no Barcode, um dos clubes mais badalados da região dos três Estados, ao lado do também brasileiro DJ KVSH.

Foi um dos melhores sets da minha carreira e essa tour está só começando! O público vibrou muito junto e também recebi inúmeros feedbacks positivos da galera. Nem tenho palavras para descrever a energia que senti no momento. Foi incrível e realmente muito emocionante, uma experiência que vou guardar para sempre”, comenta Jess. 

E de fato, alguns trechos da noite publicados pela artista em seu Instagram confirmam esse depoimento. A habilidade de Jess para ler a pista e envolver o público se destaca em meio a tantas outras atribuições e essa proximidade com o palco vem da infância, muito antes de conhecer a música eletrônica. 

Esse ano foi um ano incrível para mim. Tive oportunidades de ver diferentes artistas em vários lugares do mundo que contribuíram ainda mais para esse momento da minha carreira. Um bom DJ frequenta a pista e tem que ouvir muita música. Assim, conheci novos sons, novas culturas que foram importantíssimos para essa nova fase que estou vivendo”, reforça Jess.

Agora, já são oito anos como DJ e seis como produtora, com uma trajetória que soma inúmeras conquistas. Entre elas está o posto de melhor DJ da cena underground do Espírito Santo, no DJ Sound Awards 16, o segundo lugar como melhor show regional do Estado, no prêmio Entreter ES 2018, além do convite de Juarez Petrillo para se apresentar no aclamado festival Universo Paralello e o suporte de artistas como Vintage culture, Bruno Be, Chemical Surf, Santti, Shapeless e mais. 

Mas isso não aconteceu de uma hora pra outra.

Sempre fui da música. No ballet, no teatro e na dança em geral… meu primeiro contato foi com a música clássica, desde meus 6 anos no ballet clássico eu já era apaixonada! Quando morei no Canadá, durante meu intercâmbio, consegui ir ao meu primeiro festival de música eletrônica (que aceitava menor de idade, pois na época eu tinha 16 anos) e vi Tiësto no palco. Foi uma virada de chave na minha vida! Já amava música eletrônica, mas depois daquele dia não tinha dúvidas de qual seria o meu destino”, lembra a DJ.

Agora, seguindo os passos dos grandes, Jess segue com a tour até meados de agosto e seu retorno ao Brasil já promete novas apresentações marcantes, além de novidades na produção musical. Fique ligado nos próximos passos de Jess Benevides!

Acompanhe a artista também pelo Instagram

Por Louise Lamin