Kiko Franco comenta sobre remix oficial para a track Desire de Bob Moses e ZHU feito em colaboração com Vintage Culture
Na foto: Kiko Franco via divulgação

EXCLUSIVO! Kiko Franco comenta sobre remix oficial para a track “Desire” de Bob Moses e ZHU, feito em colaboração com Vintage Culture

Última atualização:

Há alguns meses, nesse mesmo espaço, você conheceu mais sobre Kiko Franco, o carioca mais catarinense do Brasil que trocou a terra do samba pelas paisagens deslumbrantes da Ilha da Magia, em Santa Catarina. Lá, descobriu algo que tocava seu coração. Em sua carreira abarrotada de sucessos, ele chega, agora, em um momento ainda mais brilhante. Ao lado de Vintage Culture, lançará o remix oficial para a estonteante “Desire”, de Bob Moses e ZHU. 

Depois de remixes importantíssimos como “In The Morning”, para o próprio ZHU com Cat Dealers, e de Alesso e Liam Payne com o hit mundial “Midnight”, ele se juntou com o maior nome da cena eletrônica nacional para a empreitada em “Desire” e, sobre isso, falou com exclusividade à Eletro Vibez:

Em uma conversa pelo WhatsApp com o ZHU, recebi as stems da ‘Desire’ e havia lembrado de uma conversa com o Lukas sobre essa track e o projeto ZHU, aí encaminhei as stems pro Lukas, ele gostou da ideia de fazermos o remix e então começamos o trabalho de produção”.

Pensando em uma levada mais próxima ao Techno, Kiko explica que, ainda que os testes tivessem sido bons, incluindo um set pra Só Track Boa, a decisão foi por uma sonoridade híbrida e capaz de entregar resultados nas pistas do Brasil. 

Fizemos mais 3 versões, mudamos a linha de baixo e o Lukas teve a ideia de regravarmos a guitarra buscando uma sonoridade mais autêntica pro remix. A produção durou aproximadamente um mês e chegamos à versão final após três versões de mixagem e masterização”. 

Em fevereiro de 2020, Kiko foi à Suíça como ponto de partida de um novo momento em sua carreira. Dividir o palco com artistas do mundo todo foi preponderante para que ele encontrasse uma nova estética para seu trabalho. Depois de remixar Alesso, ele, agora, celebra o trabalho para Bob Moses e ZHU. 

Esse trabalho com o Vintage Culture demonstra mais uma vez o novo caminho que estou trilhando, com produções musicalmente mais completas e com elementos temáticos que tem mais a dizer”. 

Trabalhando por um 2021 cheio de novidades, além de novos sons,  vem aí com um nova agência de bookings e um novo time de management para repaginar seu projeto. E mesmo em tempos difíceis, ele conta que a pandemia foi motivo de dificuldade de criação, mas o pontapé para estudos. 

Na vida existem os prós e contras, sem dúvida essa pandemia trouxe muita coisa negativa, mas também diversas positivas que me fizeram evoluir abrindo diversos caminhos para minha carreira. Dizem que momentos difíceis fortalecem o homem, e acho que foi isso que aconteceu”. 

Remixando um sucesso de indicado e vencedor de Grammy, Kiko e Vintage esperam que as pessoas possam sentir a grandiosidade do trabalho e todo o carinho empregado na produção. 

Torço para que as pessoas sintam o melhor possível, espero que gostem deste remix tanto quanto o Lukas e eu gostamos, ficamos muito felizes com o resultado do remix, e esperamos poder tocá-lo em breve nas pistas para vocês”. 

O remix de “Desire”, de Kiko Franco e Vintage Culture estará disponível em janeiro, em todas as plataformas digitais e carrega a assinatura da Domino Records. Fique de olho!