Gui-Costa-comenta-processo-de-criativo-da-track-Only-One-lançada-pela-Só-Track-Boa-Records-e-dá-dicas-de-produção-para-iniciantes

Gui Costa comenta processo criativo da track “Only One” lançada pela STB RCRDS e dá dicas de produção para iniciantes

TRACK DA SEMANA:


Depois de realizar um de seus grandes sonhos, de colocar seu som em uma das maiores marcas de música eletrônica do Brasil, a Só Track Boa, Gui Costa abre o coração e detalha mais a fundo todos os perrengues pelos quais passou até que isso pudesse se concretizar e como surgiu a track “Only One”, protagonista desse momento tão especial em sua vida e carreira. 

Estava passando por um momento difícil na minha vida pessoal, logo no início da pandemia e acredito que (superar essa fase) foi o maior combustível para desenvolver este som. Sempre que algo acontece, gosto de produzir para levar todas as emoções para minhas músicas e foi exatamente assim que aconteceu na concepção da ‘Only One’.”

Relembrando todo o processo criativo que permeou a fase difícil de Gui e a produção da track, ele lembrou que o vocal foi o grande diferencial que o encantou e que proporcionou a pedra fundamental para dar vida a todo o resto.

Sempre foco muito nas baterias e percussões para produzir Tech House desde o início. Após isso, comecei a desenvolver a harmonia e melodias da música, e, pra mim, o que mais me marcou foram os arpeggios e synths deste som. Por fim, trabalhei nos efeitos e ambiências para trazer algo novo para o público. Fiquei muito feliz com o resultado final desta música”.

Apaixonado pelo Tech House e Melodic House, Gui vem mesclando essas duas subvertentes há algum tempo em suas produções e a “Only One” foi um resultado disso. Ouça: 

Sabendo que seu trabalho tem inspirado pessoas e causado interesse em muitos jovens que sonham em viver de música, Gui fez um painel de dicas relevantes para que surjam novos profissionais da cena com capacidade de emplacar hits e fortalecer a música brasileira. 

Confira as dicas para produtores iniciantes

1ª) Escolha bons samples! Uma boa música vai ter qualidade se começar pelo básico, bons timbres e bons samples.

2ª) Trabalhe muito bem o groove nas baterias e percussões deixando a música dançante. 

3ª) Trabalhe com o vocal em camadas. Ex: Vocal original + Vocal com uma camada masculina, robótica, etc.

4ª) Trabalhe call and response desde baterias à synths! Além de preencher, vai dar vida para suas produções. 

5ª) Limpe as frequências que “sujam” os elementos para que sua música soe bem logo de início.

6ª) Finalize as músicas, mesmo se não for lançar. Cada projeto finalizado é um aprendizado para suas próximas produções. 

Gui Costa, depois de compartilhar seus conhecimentos e sua história, ainda contou sobre o que espera por ele e como ele espera surpreender e encantar ainda mais os fãs.

Para este ano, uma das minhas maiores metas é lançar o dobro de músicas que lancei em 2020. Já estou com alguns lançamentos programados. Vou continuar com o projeto de gravações de sets este ano. Nesta série, já tenho 3 gravações em diferentes cenários. Um deles foi em um heliponto que está no meu canal do YouTube. Os próximos que estão por vir espero que quebrem expectativas”.

SIGA O GUI COSTA POR AÍ: FACEBOOK | INSTAGRAM | SOUNDCLOUD | SPOTIFY

Kronosslot -

Casinomaxi güncel giriş

-
Betpark casino
- Cratosslot yeni giriş -
Goldenbahis giriş
- Kingbetting giriş -

mobilbahis