Hotstage | Gravadora brasileira no #RadarVibez

Última atualização:

Conversamos com os fundadores da gravadora Hotstage, que vem se consolidando na cena underground como label referência de Techno. Leia a entrevista, conheça mais sobre a sua história e confira algumas dicas infalíveis para ter sucesso ao enviar uma demo!

Quem fundou a gravadora? Quando ela foi inaugurada? O que os inspirou a criá-la?

Hotstage: A Hotstage Records surgiu no final de 2018, fundada por Spuri e DJ Murphy.

Logo após um evento no Rio de Janeiro, de dois amigos pessoais de Spuri, surgiu a ideia de transformar a marca em algo sólido no segmento do Techno.

Com a marca fazendo parte das labels do Ombu Studio, estúdio de pro-áudio situado no coração de São Paulo, em pouco tempo no ar, a Hotstage já ganhou destaque no mercado nacional e internacional.

Chegando aos 20 lançamentos neste ano em 2021, com eventos em São Paulo, Londres, Barcelona, Amsterdam, Lisboa, e por todo o Brasil, estamos ansiosos para a volta do mercado como um todo, e muito felizes com os lançamentos que estão no ar e os que vem por aí, nacionais e internacionais.

Vocês possuem artistas-chave que gostariam de indicar para a galera acompanhar os próximos lançamentos?

Hotstage: O DJ e produtor português Dextro, em especial pois seu lançamento é do mais puro e sofisticado Techno. 

O lançamento do V.A. “Gasoline Vol. 1” nos trouxe muitos destaques, entre eles estão “Android 18” de Spuri que entrou no top 20 do Beatport. 

Outro artista é o Nineteen Sines, seu remix para o Marcelo Oriano que também atingiu o top 100 do beatport, com suportes de artistas como Enrico Sangiuliano e Adam Beyer em festas da Drumcode, Awakenings.

Como é composta a equipe de vocês?

Hotstage: Hoje a equipe é composta pelos heads do Ombu Studio, Spuri e André Bastos junto ao DJ Murphy. 

No coração de tudo está o designer gráfico Pedro Rosa, junto a Spuri, desenham a marca e todo seu processo, desde os lançamentos a produção de vídeos, ações e eventos da marca.

Outros agentes parceiros como a Beats and Lights, House Mag, a nossa querida Rosana Schmit, booker e general manager em um futuro próximo na volta dos eventos, também a equipe de filmagem com Gabriel Cintra e seus agregados e os planejadores de eventos, Jotta Soares e Gustavo Pegler.

Existe um som/subvertente ou uma ideologia comum que unem seus lançamentos?

Hotstage: A nossa ideologia sonora parte do bom e velho Techno, trabalhado de forma futurista, independente do estilo. Procuramos diversificação nos lançamentos, entre “lado A” e “lado B”, sempre prezando por um bom Techno para todos os gostos.

Quais são as top 9 tracks lançadas por vocês?

Hotstage: Todas as tracks que figuram o nosso Top 10 do Beatport, confira aqui!

Qual é o conselho vocês deixariam para quem quer enviar uma demo para vocês?

Hotstage: Para enviar demos para nós, primeiramente, observe algumas características dos estilos de músicas que já lançamos, ouvindo os lançamentos mais antigos até os dias de hoje.

Enviem no máximo 4 músicas já pré-masterizadas em uma playlist privada no soundcloud e esperem uns 15 dias no máximo, que entraremos em contato. E o mais importante, tente fazer algo sempre com a “sua cara”, pelo menos uma das músicas tenha algo “fora da caixa”, que destaque a sua essência.

Da mesma forma que enviar para nós, envie para os outros só se em 15 dias você não obter uma resposta no e-mail de demos da gravadora. Nem toda música se encaixa em qualquer gravadora e não é por isso que sua música não tem valor.

Curtiu conhecer mais sobre a história e as dicas da Hotstage? Quer ter a chance de lançar por lá? Envie sua track original para hotstageofficial@gmail.com.

CONTINUE CONECTADO COM A HOTSTAGE: BEATPORT | INSTAGRAM | SOUNDCLOUD | SPOTIFY