Gesualdi estreia na Vibez Sounds com Finders Keepers
Gesualdi estreia na Vibez Sounds com Finders Keepers

[PREMIERE] Gesualdi estreia na Vibez Sounds com “Finders Keepers”

Gesualdi é mineiro e como todo bom local, é alguém discreto nos gestos e gigante nos sonhos. Fã de Vintage Culture, Bhaskar, Monolink e Sevenn, o jovem, ainda aos 23 anos, pode olhar para trás e ver que sua trajetória foi construída com base no talento e na ousadia. Chega mais pra conhecer esses detalhes.

À Eletro Vibez, ele contou sobre seu começo

Aos 18 anos, comecei a migrar do rock para música eletrônica. Comecei a me apaixonar pelo estilo e percebi que eu não dependeria de ninguém para produzir minhas próprias músicas – diferentemente de quando eu tinha banda – então decidi estudar esse tipo de produção e seguir no estilo”.

Mudando de status e de área no contexto da música, Gesualdi explicou quem foi sua primeira referência para produzir. 

Uma banda de Pop progressivo do Reino Unido chamada de ‘White Moth Black Butterfly’. Eu estava à procura de fazer uma música com elementos fantasiosos e uma pegada nórdica, e essa banda tem uma música que me deu ótimas ideias”.

Lançando a track “Finders Keepers” pela Vibez Sounds, o mineiro elucidou sobre seu processo criativo que começou com influências da banda da qual é fã e o que era um remix acabou se tornando uma super composição:

Encontrei a Eva Eik – que mora na Noruega e é especializada no canto nórdico, então mandei uma mensagem pra ela propondo essa parceria. Ela adorou a proposta e algumas semanas depois me mandou um vocal. Eu remodelei o vocal através de flex pitch para chegar na melodia desejada e então encaminhei o vocal de volta pra ela para que a Eva pudesse cantar na nova melodia. E deu certo”.

Com um cuidado especial nos vocais, a track passou por três versões até que se chegasse à desejada. Feliz e empolgado com o lançamento, Gesualdi explicou, por fim, sobre como notar que ele tinha um grande produto em mãos.

A minha ideia era de ser uma música atual e que, ao mesmo tempo, trouxesse referências fora do mundo da música eletrônica. Além disso, que contasse uma história e que te fizesse viajar para outro lugar. Quando percebi que tinha conseguido concluir essa proposta vi que a música estava pronta para ser lançada”.

Você já pode fazer vibez ao som da nova track do Gesualdi clicando aqui! Compartilhe essas vibez!