via Reprodução

Saindo da curva: Conheça o The Martinez Brothers, irmãos da periferia norte-americana que conquistaram o mundo

Última atualização:

The Martinez Brothers é uma dupla de música eletrônica formada pelos irmãos Chris e Steve Martinez, que traduz de maneira única o House clássico aos beats de Tech House em seus sets.

Eles contam através de sua carreira, uma história sobre família e superação. Com descendência porto-riquenha, os irmãos Chris e Steve Martinez nasceram e foram criados no Bronx, um dos mais polêmicos bairros dos Estados Unidos, onde presenciaram disparidade e decadência social. 

Sua trajetória, que os levou a se posicionarem como DJs de estima global, começou com apoio de seu pai, que era pastor, e os apresentou ao mundo da música através da igreja, onde os irmãos começaram a tocar instrumentos de percussão e logo criaram afinidade com os ritmos.  

Confiante no talento dos filhos com a música, logo comprou equipamentos de DJ para eles e deu suporte em suas primeiras festas, sendo seu maior incentivador. Em 2006, ele chegou a investir em uma festa para que seus filhos pudessem tocar, já que os clubes ainda não os aceitavam por serem muito jovens. 

Os jovens também mostraram seu talento na produção, no mesmo ano, quando lançaram seu primeiro EP, intitulado “My Rendition”, com mentoria do DJ e produtor Dennis Ferrer. 

Ainda sim, devido à idade, os clubes e festas locais não os aceitavam. A saída para isso foi promover sua própria festa para que seus filhos pudessem tocar. E funcionou. Bastaram três apresentações dos jovens Martinez para que diversos agentes começassem a ter olhos para os irmãos. 

Antes mesmo de terminarem o colégio, The Martinez Brothers tinha se tornado uma dupla reconhecida, e tinham de dividir seu tempo entre a escola a viagens internacionais para diversos locais do mundo rumo às pistas de dança. 

A carreira começou escalar rapidamente, através de seus shows e sonoridade, com uma pegada underground de House Clássico, com referências de sonoridades latinas e Rap. 

Ao longo dos anos tiveram diversas conquistas. Em 2011, fecharam uma residência em Ibiza, no clube DC10. Em 2013 várias de suas faixas ganharam destaque no circuito underground da ilha, mesmo ano em que criaram sua gravadora, a “Cuttin’ Headz”. Em 2014 se apresentaram no Tomorrowland e se tornaram figurinha carimbada no festival.

Colaboraram com artistas como GORDO, Elderbrook, Louie Vega, Fuego, e já tiveram faixas remixadas por artistas como Dom Dolla, Vintage Culture e Mochakk, além deles próprios já terem produzidos versões de faixas como “In Da Getto”, de J. Balvin e Skrillex.

Os artistas tiveram uma ascensão totalmente fora da curva daqueles que nascem no Bronx, e que ainda por cima são descendentes de imigrantes nos Estados Unidos, dedicando seu sucesso totalmente ao apoio de sua família.