Saindo da Curva: Saiba quem é Purple Disco Machine e conheça seu som

O DJ e produtor Tino Piontek, conhecido como Purple Disco Machine, vive hoje o auge na carreira, tocando em inúmeros lugares e figurando seu nome no topo no Beatport. O alemão que é reconhecido pelos seus remixes de extrema qualidade, é o nome da vez no Saindo da Curva.

Nascido em Dresden, na época lado ocidental da Alemanha, influenciado pela mãe, professora de música, e seu pai, que era um ávido colecionador de vinil, cresceu amando música. De fato, seu pai o apresentou os clássicos sons do Funk dos anos 70 e 80, estimulando o gosto de Piontek pelo Disco/House.

Quando ele era adolescente, ele sabia que a música era mais do que um hobby, era o centro de sua vida. Piontek começou trabalhando em uma loja de discos e discotecando em um clube, expondo-se à música cada vez mais e, eventualmente, defendendo seu som de “Deep Funk” – uma mistura atraente de Nu Disco, Soul e muito groove.

Na época, em 1990, a maioria das músicas eram censuradas pelo governo e, assim, era muito difícil conseguir bons vinis de bons artistas, como do Queen por exemplo. 

Sobre a seu começo, Tino fala: “Quando criança, a casa estava sempre cheia de música, pois meu pai era um grande colecionador de vinil. Eu cresci no leste da Alemanha, então era difícil para manter contato com a cena musical, mas me esforcei muito. Isso me levou a começar a colecionar discos também, mas, ao contrário de meu pai, colecionei soul Funk e disco, não Genesis e Pink Floyd. Quando comecei a ir a discotecas na adolescência e vi os DJs, percebi que, com meu amor pela música, isso poderia ser uma carreira para mim. Eu aprendi as habilidades de produção musical e foi aí que comecei a carreira”.

E assim começou uma obsessão com a música, que três décadas depois, colocou o DJ alemão no mapa, com sua faixa de 2013, “My House”. Com esse single, conquistou a primeira posição no ranking Deep House, do Beatport. A faixa ainda vive como uma das best-seller de sempre do Beatport, e Tino está sempre no topo do ranking dos 100 melhores artistas do Beatport.

Remixes para artistas de sucesso como Gorillaz, The Knocks, Chromeo e Claptone, foram, sem dúvida, um grande fator em sua popularidade. E, é claro, seu álbum de estreia Soulmatic, em 2017, solidificou sua reputação.

Fora do estúdio, Tino é um DJ muito requisitado e sua agenda nunca foi tão movimentada como agora. Trazendo seus sons incomparáveis ​​e uma mistura única de disco, nu disco, funky, house e deep house, direto para a pista de dança, em alguns dos melhores clubes, festivais e eventos do mundo.

Seu estilo pessoal é muito marcante, trazendo vida nova e frescor para a cena da música eletrônica. É difícil não ficar impressionado com seu som e sua capacidade de captar esses sons originais, depois ajustá-los e traduzi-los para os atuais. 

O QUE ELE TOCA?

Disco, House, Funky e Tech House.

OUÇA SUAS TOP 3 TRACKS:

SET MAIS CHEIO DE VIBEZ:

SIGA O PURPLE DISCO MACHINE POR AÍ

FACEBOOK | INSTAGRAM | SPOTIFY

Faça parte do Vibez Club!
Você é apaixonado por música eletrônica? Então cadastre-se e faça parte do nosso club exclusivo de vantagens, e tenha a chance de ganhar nossos produtos, lançamentos exclusivos, ingressos e mais!