Foto por Coletivamente

Conheça o Universo Paralello, o maior festival de Trance do Brasil

TRACK DA SEMANA:


Você já conhece o Universo Paralello? Se você curte ler sobre os mais variados festivais de música eletrônica, vai adorar saber mais da história de um dos maiores do Brasil: o Universo Paralello. Durante a sua já longa jornada, esse evento viajou do centro-oeste ao nordeste de nosso país, mas, para entendermos melhor essa história, temos que regressar aos anos 90, época do pontapé inicial de sua criação.

Criado por Juarez Petrillo, pai dos DJs Alok e Bhaskar, que, junto de amigos, decidiu reunir música à região a qual que pertencia, o Universo quebrou um hábito daquele tempo, que era ir para a Bahia para curtir o Trance que rolava por lá.

Em 2000 aconteceu a primeira edição do Universo Paralello, em formato de festival. Poucos anos depois, o festival estava definido, estruturado e consolidado, com duração de 3 dias. Quando ainda em solos de Cerrado, o UP aconteceu em lugares diversos, em fazendas, como na primeira edição, na Chapada dos Veadeiros.

A história do festival no Centro-Oeste não durou muito: por insegurança quanto a corpos jurídicos que tentavam embarreirar o evento e uma vizinhança não muito querida, era tempo de buscar novos rumos. Chegaram ao litoral de terras baianas, em Salvador, numa paradisíaca e não explorada praia chamada Pratigí.

Enquanto tomava a forma que mantém até os dias de hoje, o UP conquistava adeptos por todo o território nacional, aqueles que buscavam algo completamente diferente do habitual. Com 7 dias consecutivos regados a música eletrônica num lugar remoto, o público que consegue viver a façanha tem a chance de ver cenas memoráveis. Um dos sets de maior destaque da história do festival foi de Alok, filho de Juarez. O litoral parou para ver o DJ animar a festa!

O festival conquistou o mundo, indo além do Brasil, indo além dos jovens e aqui nos conversamos com pessoas frequentadoras do Universo Paralello que listaram alguns motivos para frequentarem o festival!

DJs que tocam por lá?

No geral, seguiu-se a tradição desde o início: trazer o Trance como um dos principais sons presentes na festa, e por isso em seus ideais é incitada a aceitação, o não-preconceito. O Trance é um dos estilos mais marginalizados da música eletrônica, e o Universo Paralello é a casa do Trance. Lá, se fizeram grandes apresentações da vertente com DJs brasileiros e nomes internacionais como Morten Granau, Photoculture, Phaxe, Chapeleiro, Vegas e Vini Vici e mais.

Essa evolução do festival aconteceu em todos os âmbitos. Conforme o passar dos anos, mais estilos e vertentes foram sendo convidados a integrar as lines do festival. Na última edição, por exemplo, dentre os vários palcos, haviam produtores de Deep House, Tech House e até Techno. Nomes irreverentes da gringa, como Adana Twins, Boris Brejcha e Karmon já se apresentaram no festival.

Quanto custa?

Para você ficar por dentro, o UP acontece de 2 em 2 anos, na virada do ano. Sua última edição rolou entre 27 de dezembro de 2019 e 3 de janeiro de 2020. E mesmo com toda a incerteza que vivemos, o próximo segue agendado para o final de 2021! Torçamos então por vacinas e saúde, para que possamos viver as boas vibez em segurança novamente.

Vale lembrar que os ingressos se esgotam rapidamente e crianças até 12 anos completados não pagam ingresso. Acima dessa idade pagam normalmente. Abaixo uma estimativa do valor inicial dos ingressos:

Ingresso Universo Paralello – Meia Entrada 1º lote – R$ 770,00
Ingresso Universo Paralello – SOLIDÁRIO 1º lote – R$ 770,00
Ingresso Universo Paralello – Inteira 1º lote – R$ 1.540,00

Tendo em vista que o Universo Paralello Festival é um complexo de entretenimento com algumas áreas para o público de todas as idades, com diversos tipos de atrações, sua classificação indicativa é livre.

A entrada de menores de 18 anos somente será permitida se comprovadamente acompanhados dos responsáveis legais, que deverão permanecer no local do evento enquanto o menor estiver presente. É necessário o preenchimento de ficha de comprometimento de responsabilidade ao menor. Esta determinação, assim como a classificação etária, está sujeita a alteração nos termos do alvará a ser expedido pelo Juiz de Direito da Vara da Infância, da Juventude e do Idoso.

Curtiu conhecer mais sobre o festival? Então compartilhe com a sua galera!

Kronosslot -

Casinomaxi güncel giriş

-
Betpark casino
- Cratosslot yeni giriş -
Goldenbahis giriş
- Kingbetting giriş -

mobilbahis

-
instagram şifresiz begeni hilesi
- pera-bet.com - betsat casino